Visita de estudo à Fundação José Saramago

Santo Deus, isto é um mundo, diante dos nossos olhos representado, já que não nascemos em tempo de ver nos campos de Tróia o escudo de Aquiles, que mostrava todo o céu e terra,

 admiremos em Lisboa (…)  os novos prodígios do lugar (…)

José Saramago, O Ano da Morte de Ricardo Reis

 

Conduzidos pela vontade do saber, ousámos calcorrear essas ruas que, ainda hoje, nos mostram as pedras gastas, dos ociosos passeios de Reis por Lisboa.

Nas nossas leituras, através dos olhos desse heterónimo, conhecemos a verdadeira Lisboa da década de trinta. Hoje, revisitamo-la, numa viagem que incita ao estudo, dando vida às letras que nos deixou Saramago.

Inspirados pela obra do nosso Nobel, os alunos dos cursos de Saúde, Multimédia e Informática, da Escola Profissional da Guarda, visitaram alguns lugares emblemáticos como o Rossio, a Rua Augusta, a Praça Luís de Camões, terminando este périplo com uma visita guiada à Fundação José Saramago.

Concebemos a Educação como a ponte entre o sujeito e a cultura e nesses caminhos que vamos estreitando, assumimos a responsabilidade da geração que pretendemos formar, digna de representar, culturalmente, os destinos de uma nação que se guiará “por sua própria convicção, sem recado mandado”, como nos dizia Saramago.