Curso de Saúde visita Biblioteca Eduardo Lourenço

Fruto da técnica, transporte do pensamento, o livro afigura-se como o “supremo bem cultural”, património e objeto do saber, convidando o Homem a uma viagem pelo conhecimento e, tantas vezes, pelos labirintos da fantasia que apenas pela imaginação conseguiria percorrer.

Multiplicado por estantes, elevado pelos feixes de luz que destacam a obra rara, o livro é também estimado por um conjunto de pessoas que, durante a sua jornada, reencontram as primeiras edições, dando vida à folha rasgada e a todo um passado das nossas gentes.

À descoberta deste universo, os alunos do Curso de Saúde da Escola Profissional da Guarda tiveram oportunidade de conhecer este espaço, reservado à cultura, que honra o nome do nosso ilustre pensador, Eduardo Lourenço.

Agora que se aproxima a vossa desejada pausa de verão, aventuremo-nos nessas viagens pelas nossas terras e também, quem sabe, pelas letras de Eça, Pessoa e Saramago!